22 de mai de 2013

Trip #2


É impossível descrever tal espetáculo pros olhos e pra alma, acho que o máximo que eu conseguiria fazer seria dizer isso: San Juan de Gaztelugatxe é simplesmente fascinante.


Tudo começou quando eu visitava um blog de looks diários que adoro, o Silvia's Daily Closet, que em certa postagem falava sobre lá. Achei o nome bem curioso e procurei mais fotos na internet, gostei e pedi que o Eder me levasse em nossa próxima viagem, que seria em julho de 2012. Mas não pesquisei nada sobre, só achei bonito e quis ir. Porém minha euforia em visitar essa beleza só durou os 5 primeiros minutos em que chegamos lá, quando eu descobri que teríamos de enfrentar uma subida com mais de 231 degraus.
Só na caminhada até o início da escadaria levamos pelo menos uns 15 minutos, depois disso eu entreguei nas mãos de Deus porque não aguentava mais de tanto andar e queria que tudo aquilo acabasse logo. Até que eu parei de pensar no cansaço e passei a notar a maravilha que me rodeava...


                                                  a cara da inocência: a pessoa só fez pose porque mal sabia 
                                                                      da subida que a esperava

San Juan de Gaztelugatxe é uma capela que fica em uma ilha minúscula no município de Bermeo, costa de Vizcaya. Ela foi construída no século 10 em homenagem a São João Batista, pra que as mulheres dos pescadores fizessem  orações a fim de que seus maridos retornassem seguros depois das longas viagens no mar. Eu sei que esse nome é praticamente impronunciável, mas depois de tanto comentar sobre ele eu até consigo escrever sem jogar no google! "Gastelugatxe" em Euskera (idioma do País Basco) é uma composição das palavras "Gaztelu" que significa castelo e "aitz" que significa rocha, fazendo referência à igreja no topo da ilha.
Ah se eu pudesse voltar no tempo... acho que levava uma mochila com umas roupas pra lá e passaria o resto dos meus dias só contemplando aquele lugar. 





Eder e o degrau de número 200: obrigada Deus pela graça alcançada.

Diz a lenda que quem sobre todos os 237 degraus e chega até a capela, deve fazer um desejo e tocar o sino 3 vezes. Eu estava morrendo de vergonha de ir tocar o sino porque tinha muita gente, mas todo mundo tava fazendo isso então eu também fui. Depois descansamos um pouco e fomos curtir a vista da ilha. E pra mim que nunca tinha estado em uma ilha antes, foi meio assustador olhar pro horizonte e não ver nada além de céu e mar... Me senti como se eu estivesse perdida sozinha no meio daquele mar! 
A capela está sempre fechada e por fora tem somente alguns banquinhos que os visitantes usam pra descansar, mas dá pra ver um pouco do interior pelos frestas da porta principal. É importante lembrar que não é vendido nenhum tipo de alimento, então se algum dia vocês pensarem em ir, levem bastante água e comida, porque a caminhada é longa e no final dá muita fome.


hora da descida











Hoje eu penso que todo esforço é válido pra se conhecer San Juan de Gaztelugatxe. O mais importante não é a capela em si, mas o lugar que a rodeia. É muito, muito lindo, como se algo no ar fizesse toda aquela geografia especial.  Não é só uma caminhada cansativa pra chegar lá em cima da ilha em uma igreja minúscula e tocar um sino. É toda a mágica que envolve aquelas pedras perfeitamente moldadas pela água cantábrica, cristalina em seus tons de azul e verde... O barulho das ondas, a brisa do mar no rosto, os barcos trafegando no longe, um céu de tirar o fôlego. Não tenho como explicar como é surreal a beleza de Gaztelugatxe. Desejo que um dia vocês possam estar lá! 


Espero que não se cansem desses posts sobre viagens. E se eu tiver sendo chata, por favor me avisem.
Beijos e boa semana!



18 comentários:

  1. Que lugar mais fantástico! Agora fiquei louca pra visitar, heheh (:
    Tô amando os post de viagem Van! beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai que bom que vc tá gostando, linda! obrigada <3

      Excluir
  2. Nossa,continua!Eu amo posts sobre lugares incríveis e que eu nunca vou conhecer(brinks) kkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai sua boba, um dia vc vai conhecer sim!!! cê acha que eu sonhava com isso tbm? kkk
      que bom que vc tá gostando, obrigada pela força! :D

      Excluir
  3. Que lugar lindo!! nunca tinha ouvido falar, me lembrou as muralhas da China (q sò conheço por fotos nè? logico! rsrs)
    Ja li sobre vc alì acima, como assim não tenho nenhum talento? isso não existe, todos somos bons en algo , como assim não tenho creatividade? gostei do seu jeito de se apresentar aos leitores e seu blog è fofo e lindo! para dissooooooooooo hahaha vc tem creatividade sim, posso ver isso no seu blog!
    ja vou seguir :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ai que coisa mais fofa e linda o seu comentário! muito muito obrigada! eu amo o seu blog, nossa fico super lisonjeada de ter vc por aqui :) obrigada mesmo pelas palavras! e volte sempre haha ♥

      Excluir
  4. Esse lugar pediu para ser bonito e exagerou hein?! Acho que todos esses lugares que tem um cunho religioso e existe há muito muito tempo, tem uma carga de energia forte né?! Não sei se sou só eu que sinto isso, mas geralmente pesa um pouquinho para o lado astral da coisa. Confesso que não conhecia esse, achei encantador e a história dele é muito bonita. Vou adicionar a Wish travel. hehe.

    Quanto ao filme, Ghost World, você gostou? Depois de uns dias que eu assisti, formei minha opinião, e conclui que gostei só da fotografia e do figurino mesmo. :~

    E, quanto ao Clube dos 5, tem legenda aqui:

    http://filmeshunter.com/comedia/clube-dos-cinco-the-breakfast-club/

    Que foi o lugar onde eu baixei ele, aliás. Esse site tem um monte de filmes legais, a maioria dos que baixo é lá e não estou ganhando nada para fazer propaganda haha.

    :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara era exatamente isso que eu queria dizer mas fiquei com medo de soar 'piegas': lugares com cunho religioso sempre tem uma puta energia forte! É muito louco chegar lá e sentir algo muito forte dentro de vc, e pra tudo que eu olhava ao meu redor eu sentia algo...
      E sobre o filme: eu até gostei, tava adorando a personagem principal e a relação dela com o rapaz dos discos... mas eu odiei o final!!! huahauhaua Vou procurar a legenda nesse site que vc indicou :D
      Muito obrigada! Beijosss :*

      Excluir
  5. Que lugar mais lindo. *-*
    Quando fui pra praia do forte na Ilha do Mel, me cansei só de ver a escadaria gigantesca que se tem que subir pra chegar ao forte, mas depois que já está lá em cima a paisagem faz o cansaço valer a pena. rs

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa queria muito conhecer a Praia do Forte! Acho que depois desses 237 degraus eu já encaro qualquer escadaria, né? hahahaha beijos!

      Excluir
  6. Lugar maravilhoso, mas que desanimo de subir tudo isso hein ahahah

    ResponderExcluir
  7. Que lugar, fotos e história incrível, amei! Fiquei com vontade de ir lá :) encararia #CHATIADA a subida de mais de 200 degraus, no entanto. Hahaha

    ResponderExcluir
  8. Meu Deus, que lugar lindo! É maravilhoso!

    http://by-restless.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Pelo amor de todos os blogs legais do planeta, nunca pare de postar sobre esses lugares maravilhosos que visitou! Suas dicas são super válidas e estou chorando porque nunca fui num lugar daora desses com uma namorado mais daora ainda.

    ResponderExcluir

Feel free to leave your message!
Obrigada pela visita e volte sempre ♥